Escritor de Sucesso usa as Redes Sociais a Seu Favor

Vamos falar sobre divulgação e redes sociais? Vamos sim! Pode apostar que se você acreditou que revisar e escrever um livro era difícil nunca se deparou de verdade com essa fase da carreira de um escritor.

Estamos cansados de ouvir que o mundo online dominou a parada, já sabemos disso, mas como um escritor, que tem a palavra como produto e fonte de renda, consegue usar de mídias que usam imagens para se divulgar?

É justamente essa história que aqui contarei. Aposto que você vai se identificar e espero te ajudar a tomar uma iniciativa quanto a sua estratégia de divulgação. Mesmo que ainda não tenha livros prontos, seu marketing precisa começar para ontem.

Redes sociais são aliadas na divulgação de um escritor

Um escritor de sucesso usa as redes sociais a seu favor. (Foto: banco de imagens do Canva)
Um escritor de sucesso usa as redes sociais a seu favor. (Foto: banco de imagens do Canva)

Para explicar claramente como funciona a divulgação para um escritor preciso primeiro falar sobre como as redes sociais ganharam peso nos últimos cinco anos.

Instagram, Facebook, Twitter e mais uma penca de plataformas de redes sociais, se tornaram uma espécie de portifólio para profissionais e empresas. Hoje, quando queremos saber qual o peso da autoridade de alguém, vemos a quantidade de seguidores dela no Instagram.

Mas como um escritor consegue usar essas mídias quando sua arma é a palavra e elas usam muito mais da imagem?

Na época em que postava minhas fanfics na plataforma AnimeSpirit, não tinha noção de Marketing Digital, apenas postava os capítulos e compartilhava na caixa de mensagem de todos que me seguiam. Era bem trabalhoso e funcionava como um “boca a boca”, mas funcionava.

Entretanto, não dá para fazer o mesmo com um Instagram, por exemplo, e é por isso que você precisa aprender o conceito de marca, posicionamento e copywriter.

Aprenda sobre Marketing Digital e veja sua carreira de escritor decolar

Já disse outras vezes que Um Escritor de Sucesso é um Bom Empresário e não adianta fugir desse fato. Se não começar a encarar a sua carreira artística como um negócio, uma empresa, jamais vai sair do conhecido entre amigos para estourar no mundo.

Não estou falando de sair pedindo no direct para as pessoas lerem seu livro, mas em criar uma marca de verdade para o seu perfil. Isso mesmo, vai precisar criar uma logo e ter um padrão de postagem que é a sua assinatura.

Como somos escritores e nossa arma é a palavra, precisamos usar o plano de fundo do nosso “papel” para a nossa assinatura pessoal.

Ter um plano de fundo único, um layout bem elaborado, que esteja dentro do seu estilo, principalmente se você levar em consideração seu gênero literário, faz a diferença ao usar as redes sociais atuais como plataforma de divulgação.

Lembra sobre quando falei sobre público-alvo, que é preciso traçar qual o seu? É justamente para traçar sua estratégia de divulgação que você precisa saber qual o nicho você vai apostar.

Use a lei primordial do Marketing: Atrair, Engajar e Converter

Para qualquer tipo de negócio é preciso ter em mente a lei mais incrível do marketing que é: atrai, engajar e converter. Mas como isso funciona?

Primeiro: quando você cria uma imagem interessante, uma frase chamativa, que envolve seu leitor, está atraindo. Essa é a sua “primeira impressão”, o convite para aquela pessoa que está passeando no feed pare e queira ler sua legenda.

Quando seu leitor ler sua legenda, achar interessante e curtir, comentar, salvar ou compartilhar, ele está engajamento. Você conseguiu pescar alguém. Então, depois de criar uma imagem interessante e um texto envolvente, você precisa fazer uma chamada para a ação.

É aqui que vem o terceiro passo, o momento que seu leitor quer comprar seu livro, seu conto, se inscrever no seu blog, entrar no seu grupo de leitura, ser seu seguidor e por aí vai.

Mas, Gabi, como faço isso? Primeiro, meu querido Criador de Mundo, você precisa passar pela etapa de saber bem qual o seu estilo e seu público. Depois, é preciso decidir se você terá um perfil onde só seus textos aparecerão, ou se você vai aparecer neles.

Assim que decidir essas duas etapas, a terceira e a mais difícil é: começar! Não importa se está inseguro, se ainda não sabe se vai dar certo sua estratégia, apenas comece. Os erros fazem parte da jornada de um Escritor moderno.

Quanto mais independente você for quanto escritor, mais sucesso terá

É preciso ser especialista em marketing para começar? Preciso fazer curso para isso? Tenho que entrar em uma faculdade de publicidade? Não mesmo, querido Escritor. O que você precisa é ter quem se inspirar e começar.

A maioria dos escritores deposita “todo o trabalho” nas mãos de editoras, principalmente as tradicionais, por isso são tão cobiçadas pelos iniciantes. Mas quero te desiludir de uma coisinha: nenhuma editora investe em escritor desconhecido, mesmo que você seja selecionado para publicação.

É preciso ter seu público, construir a sua audiência. Não adianta confiar na empresa para investir e alto – porque marketing demanda dinheiro e tempo – na construção do seu público. Conheço muitos escritores que se decepcionaram com as vendas, justamente por crerem que a editora arcaria com a divulgação.

Então, pare de se fechar no mundo utópico dos livros e comece a aprender a “se virar”.

Investir na sua carreira é também aprender sobre marketing, é saber as técnicas de venda, usar ferramentas tecnológicas a seu favor e, acima de tudo, entender sobre empreendedorismo.

Mas, Gabi, eu nem sei por onde começar! Como faço a primeira postagem? O que coloco nela? Calma, não precisa de desesperar, vou deixar uma lista de perfis para te ajudar a se inspirar, mas antes disso, você precisa ter muito claro:

  • Qual o seu gênero literário?
  • Qual o seu público-alvo?
  • Qual posicionamento deseja ter na mídia (se vai mostrar seu rosto ou não)?
  • Qual o seu nome na mídia (Niki de Instagram ou Facebook)?
  • Qual a sua “logo” (sua marca quanto escritor)?

Quais suas metas de alcance?

Essas são as perguntas básicas para começar. Claro, existem diversas outras técnicas mais complexas, mas falaremos delas depois, no momento essas bastam para começar.

Tenha modelos para se inspirar nas redes sociais

Para quem não sabe como começar, procure um perfil que te inspire. Esses perfis vão servir como “mentores”, te guiando no mundo da divulgação para escritores.

Quando comecei no Instagram, não tinha ninguém com o padrão de postagens que criei, me sentia muito perdida. Porém, existiam alguns perfis que me ajudaram a ter ideias de como montar um Instagram de contos voltados para a ficção e fantasia.

Se quiser conhecer meu perfil, basta clicar aqui. Caso queira saber como montei meus layouts, basta se inscrever aqui e me enviar um e-mail dizendo: Quero A Mensagem Secreta do Layout. Será um prazer te ajudar nessa fase.

Mas se quiser algo mais rápido, pode clicar aqui e entrar no grupo de dicas gratuitas para Escritores Iniciantes mais incrível que já viu. Será maravilhoso contar com a sua presença!

1 comentário em “Escritor de Sucesso usa as Redes Sociais a Seu Favor”

  1. Pingback: Gêneros Literários E Sua Importância Para Definir Um Público Leitor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *